Quer abrir uma empresa, mas ainda não sabe exatamente como começar? Empreender e ser dono do próprio negócio não é tarefa fácil, mas muitos concordam que é recompensador.

 

Para dar certo, no entanto, é necessário estudar o mercado, se planejar, conhecer sua área de atuação e técnicas de gestão, entre outros. Pensando nisso, elaboramos este artigo com 7 dicas para começar um novo negócio.

 

Se interessou pelo assunto? Então continue acompanhando!

 

1. Estude o mercado e a viabilidade de sua ideia

 

Imagine investir em uma loja de ar-condicionado localizada em uma região muito fria. Provavelmente não seria um bom negócio, não é?

 

Estudar o mercado e a viabilidade de sua ideia é fundamental para:

– conhecer o seu público-alvo;

– escolher a melhor localização;

– conhecer os concorrentes, seus preços e a qualidade de seus produtos ou serviços;

– certificar-se de que há abertura no mercado para aquilo que você vai oferecer etc.

 

E lembre-se: escolher trabalhar com aquilo que se gosta já significa começar com o pé direito.

 

2. Elabore um plano de negócio bem estruturado

 

Também conhecido como plano empresarial, o plano de negócio visa especificar tudo aquilo relacionado ao seu novo negócio. Ele também serve para entender o quão preparado financeiramente você deve estar.

 

Depois de analisar o mercado e a viabilidade de sua ideia, elabore um planejamento considerando, entre outros:

– o funcionamento dos processos operacionais, administrativos e comerciais;

– a eficiência no recebimento dos pedidos dos clientes e a entrega;

– o preço final de seu produto ou serviço (considerando o capital de giro, a margem de lucro, todas as despesas fixas e variáveis etc.);

– a necessidade do investimento em Marketing Digital;

– o custo de equipamentos e softwares etc.

 

O que foi abordado serve apenas para direcioná-lo. Aprofunde-se no assunto para estar seguro de como tudo funcionará antes mesmo de abrir a empresa.

 

3. Reconheça a importância da otimização dos processos internos

 

A organização dos processos internos é fundamental para a eficiência nos campos administrativo, operacional e comercial.

 

Um software de gestão empresarial, por exemplo, permite o controle total sobre as áreas financeira, de estoque, de contas a pagar e a receber, de compra e vendas, entre outros, e possibilita a análise de relatórios completos.

 

Ter dados concretos registrados e saber o que acontece nos diferentes departamentos da empresa permite ao gestor posicionar-se estrategicamente e criar soluções que impulsionarão o crescimento da companhia.

 

4. Invista em sua própria capacitação

Além de investir em cursos (técnicos ou de graduação) para entender as particularidades do ramo de negócio escolhido, é necessário que o gestor tenha conhecimento em finanças ou que busque a ajuda de um especialista.

 

De qualquer forma, é importante saber os principais termos técnicos utilizados no dia a dia empresarial, como capital de giro, margem de lucro, giro de estoque, networking, retorno sobre investimento, análise SWOT, entre outros.

 

5. Separe a pessoa física da pessoa jurídica

 

Misturar contas pessoais com contas empresariais pode parecer inofensivo, mas na verdade acaba criando muitas complicações e impede o crescimento do negócio. Portanto, defina um valor mensal razoável para retirada e invista o restante dos lucros na própria empresa.

6. Tenha a tecnologia como aliada

 

A tecnologia pode ser usada a seu favor nos negócios, pois permite reduzir custos, aumentar a produtividade, organizar os processos internos da empresa, otimizar o tempo da equipe e do gestor, enfim. Procure conhecer sobre automação comerciale pesquise aplicativos e softwares que poderão ser úteis.

 

7. Foque sempre no bom atendimento ao cliente

 

Antes mesmo de abrir a empresa é essencial pensar no cliente, afinal, eles serão parte do fracasso ou do sucesso de sua empreitada.

 

Como garantir o bom atendimento? Confira algumas dicas:

– ofereça um produto ou serviço de qualidade;

– conheça seus clientes;

– capacite a equipe para solucionar problemas rapidamente;

– invista em um sistema ERP online;

– tenha mais de um canal de atendimento;

– dê atenção ao pós-venda.

 

Enfim, neste artigo apresentamos 7 dicas para começar um novo negócio. Para não enfrentar complicações futuras, elabore um plano de negócio detalhado abrangendo todos os tópicos abordados neste texto.

 

A melhor forma de começar é certificando-se que os processos internos estão organizados e se manterão assim ao longo dos anos, concorda? Para isso, considere utilizar um software de gestão empresarial eficiente!

 


 

Veja mais

 

Perfil comportamental – dicas infalíveis para descobrir e melhorar o seu

Dicas para identificar um comprador sério para o seu negócio

Empresa cria ferramenta de análise de perfil profissional