Localizada no planalto Central, possuindo uma população de pouco mais de 3 milhões de habitantes, Brasília é a terceira cidade mais populosa do Brasil. Considerada a maior cidade do mundo construída no século XX. Famosa por abrigar as três sedes dos poderes da República (Executivo, legislativo e judiciário), o setor privado também apresenta excelentes oportunidades para empreender um bom negócio em Brasília.

 

O plano urbanístico da capital, conhecido como “Plano Piloto“, foi elaborado pelo urbanista Lúcio Costa, que, aproveitando o relevo da região, adequou-o ao projeto do lago Paranoá, concebido em 1893 pela Missão Cruls.

 

Em 1960 foi inaugurada pelo então presidente do Brasil, Juscelino Kubitschek. A construção de Brasília demandou três anos e meio, e foi constituída a partir de um projeto urbanístico moderno, fora dos padrões brasileiros de arquitetura à época.

 

Seu passado econômico

 

Brasília, desde que foi criada, era referência em comércio. De certo por possuir grandes influências devido às redes rodoviárias e ferroviárias que passavam por lá. Naquela época, o comércio de frutas e de sementes eram os dominantes do mercado.

 

Estima-se que, em 1995, o setor de serviços passou a dominar cerca de 75% dos empregos existentes. Além deste, em expansão desde os anos 80, o turismo em Brasília também é destaque, reforçando o setor de serviços e hotelaria.

 

Sua atual economia

 

As notícias em relação à economia de Brasília já são melhores, um estímulo para quem busca o bom negócio. Estima-se que após 11 meses de queda, a economia da capital brasileira finalmente tenha voltado a crescer. Podemos dar o destaque à safra de feijão e ao milho, que tiveram resultados excelentes em suas safras.

 

Responsável por cerca de 94% da economia da cidade, o setor de serviços também teve aumento no último ano. Apresentaram resultados positivos após o último ano os setores de administração, saúde e educação públicas, com 0,9%, e atividades financeiras, seguros e previdência complementar, com 0,7%. O grupo “outros serviços” subiu 2,9%.

 

Empreender em Brasília

 

Os cenários para quem busca empreender em Brasília são animadores. O governo federal vem buscando destinar maiores volumes para obras de infraestrutura, além de trabalhar na redução de dívidas e estimular o desenvolvimento econômico. Com isso, mais recursos devem estar disponíveis na capital brasileira e, consequentemente, mais oportunidades para ter um negócio.

 

A pesquisa de mercado feita pela Endeavor em 2016 mostrou que Brasília é a terceira cidade com maior mercado empreendedor no Brasil. Além disso, a cidade é colocada em destaque no quesito de gastos do Estado com empreendedorismo.

 

Um bom negócio em Brasília

 

Brasília possui uma excelente estrutura para receber turistas, principalmente para eventos e negociações, que são seus maiores interesses no ramo. A beleza da cidade, que possui uma ótima decoração de plantas, além da cultura e história, faz com que as estadias rápidas possam se estender. Além disso, Brasília pode ser considerada um polo gastronômico no país: são bares, cafés e restaurantes que oferecem comidas típicas nacionais e internacionais, com padrões, preços e qualidades para diversas classes e paladares.

 

Por sempre estar repleta de pessoas de todos os níveis sociais e econômicos, Brasília possui serviços de hotelaria diversos, mas também conhecidos pelos seus altos preços. É fácil achar um bom negócio em Brasília no ramo hoteleiro, afinal, esse é um setor atrativo para o investidor empresarial.

 

Como empreender em Brasília?

 

O primeiro ponto para quem quer empreender em Brasília é: seja inovador. Parece clichê, mas são esses diferenciais que farão com que você tenha um bom negócio em Brasília ou em qualquer cidade do país. Especialmente no setor hoteleiro ou gastronômico que, apesar de seus potenciais, também podem ter uma concorrência maior.

 

Empreendimentos que ganham muito espaço na capital brasileira são startups, home office e coworking. Os Brasilienses, assim como em capitais como São Paulo, Rio de Janeiro e Belo Horizonte, enxergam esse mercado com cada vez maior visibilidade. Aos poucos, com networking, troca de experiências, investimentos e divisão de espaços inteligente, os jovens empreendedores vão adentrando esse mundo.

 

A vida noturna também é uma excelente opção para investir em Brasília. Com bairros onde quase metade dos moradores são solteiros e jovens, explorar essa alternativa pode ser um caminho para se ter um bom negócio em Brasília.

 

Onde empreender em Brasília

 

Como você deve saber, Brasília é dividida e organizada por setores. Os setores residenciais encontram-se ao longo do Eixo Rodoviário (Eixão, como é conhecido). Nos setores residenciais há blocos de comércio e serviços. Ao redor do lago Paranoá encontram-se os espaços de lazer, como clube esportivos.

Outros setores importantes que compõem a cidade são o Setor Hoteleiro (Norte e Sul), o Setor Médico Hospitalar (Norte e Sul). A seguir listamos três regiões para que você possa começar a pensar onde instalar seu negócio em Brasília.

 

Ceilândia

 

Tem uma economia forte, baseada principalmente no comércio e na indústria. O seu setor industrial é um dos principais do Distrito Federal. Pré-moldados, alimentos e móveis são as maiores fabricas. Além de tudo isso, a Ceilândia é uma região com grande número de comerciários, fora a quantidade de feiras existentes por lá.

 

A Ceilândia é considerada a região com maior número de solteiros de Brasilia, cerca de 40% dos moradores de lá. Assim, atender esse público passa a ser uma alternativa para empreender por lá.

 

Asa Sul

 

É uma das regiões mais caras da capital brasileira. Com uma excelente infraestrutura e muito arborizada, a Asa Sul se torna destaque para vários tipos de empreendimentos. A região conta com 4 shoppings centers, sendo dois deles de grande porte. A região conta ainda com outras inúmeras atividades de lazer e um comércio muito forte, atendendo a todos os públicos.

 

Asa Norte

 

Seguindo a Asa Sul, a Asa Norte também é uma área arborizada, o que contribui para sua beleza. Cinturões verdes percorrem o bairro trazendo uma beleza única. O bairro possui 5 dos principais shoppings centers de Brasília. Este fator influencia o setor de comércio. O IDH do bairro é tido como o maior de todo o Distrito Federal. Além disso possui o “Baixo Asa Norte”, conhecida como a região mais boêmia da cidade.

 

Conclusão

 

Os números são claros e nos mostram que a capital do Brasil vem de uma ascensão econômica muito forte. Seu mercado além de ser grande é muito diverso, favorecendo qualquer ideia de bom negócio. Com todos esses pontos positivos, não perca tempo, venha logo investir na capital da república.

 

Conheça os negócios à venda em Brasília!

 


 

Veja mais:

Como empreender um bom negócio no RJ

Saiba como ter um bom negócio em BH

O que você precisa saber para ter um bom negócio em SP

Afinal de contas, comprar uma empresa é um bom negócio?